180.000 personas desalojadas en Brasil por las lluvias

Las trombas de agua dejan 44 muertos en municipios del norte y noreste del país

EFE – Brasilia – 11/05/2009

Unas 180.000 personas han sido desalojadas y 44 han muerto en las ciudades más afectadas por las fuertes lluvias que han castigado regiones del norte y noreste de Brasil, según el último informe de Defensa Civil.

Lluvias en Brasil

Ampliar

Habitantes de Pedreiras (estado de Maranhao) se desplazan en barco por las riadas.– AP

Aviones de la Fuerza Aérea han distribuido siete toneladas y media de alimentos y ocho toneladas de medicamentos, ropas y colchones en el estado de Maranhao, donde las trombas de agua y los desplazamientos de tierra causados por las lluvias han provocado más estragos.

La ciudad de Trizidela do Vale, de unos 180.000 habitantes, está inundada en un 90 por ciento por el desborde del río Mearim, seis metros por encima de su nivel normal. Unas 9.000 personas se han visto desplazadas de sus casas. En otras ciudades de Maranhao la policía se ha desplegado para evitar saqueos en las casas abandonadas.

Las lluvias han azotado con fuerza a los estados de Ceará, Maranhao, Amazonas, Bahía, Alagoas, Paraiba, Pernambuco, Santa Catarina, Piauí, Río Grande do Norte y Pará.

Según fuentes oficiales, las pérdidas económicas causadas por las precipitaciones, que en algunas regiones del país son las mayores que se han registrado desde mediados de la década de los años 50, son superiores a los 1.000 millones de reales (más de 356 millones de euros).

enquanto isso….

Se Deus quiser no ano que vem vamos inaugurar o sonho inteiro’, diz Lula

Após uma hora e meia de viagem no trecho de Aquiduana a Palmeiras, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se comprometeu de que em 2010 o Trem do Pantanal vai fazer valer o nome e chegar até Corumbá, cidade situada dentro do Pantanal e que espera ver a volta do trem de passageiro. “Se Deus quiser, no ano que vem vamos inaugurar o sonho inteiro”, disse Lula em discurso emocionado na estação de Indubrasil, em Campo Grande.

Moradores da região, secretários de Estado, crianças e jornalistas se misturaram sob as tendas dispostas ao lado da estação, junto ao presidente que foi ovacionado.

“Às vezes, as coisas demoram mais do que a gente quer para dar certo. Teve gente que reclamou porque o trem demorou uma hora e meia, porque andou devagar. São pessoas que não sabem apreciar”, disse, em discurso. “Para quem tem pressa, o melhor transporte é o avião”, brincou.

Descontraído, o presidente relatou que o texto de seu discurso, preparado por assessores, trazia o ano de 2011 como o previsto para a inauguração da segunda etapa do Trem do Pantanal. “Mas vou olhar para vocês e dizer que em 2010 vamos inaugurar até Corumbá”, afirmou.

Lula fez ainda um segundo compromisso e disse que tão logo deixe a Presidência da República, quer fazer a viagem de trem até Corumbá, acompanhado por dona Mariza, a primeira-dama.

Se até o momento o governo do Estado buscava amenizar o fato de o trem ser reinaugurado antes da revitalização chegar à Corumbá, Lula deixou claro o que pensa sobre o trajeto e disse que “a verdade é que o Pantanal começa mesmo em Miranda”. Na avaliação do presidente, quando o trem finalmente chegar até Corumbá, o mundo passará a olhar para o Pantanal.

Turismo

Durante entrevista coletiva realizada após a cerimônia de inauguração da estação do Indubrasil, o presidente reafirmou o desejo e a previsão de que em 10 anos o Trem do Pantanal tenha modificado o turismo no Brasil e, ainda disse que quer ver o Brasil como o destino de milhões de turistas todos os anos, como países da Europa e o Uruguai.

Todo o trecho do Trem do Pantanal, da década de 50 até 90 [foi desativado em 1992], foi sucateado após a privatização. O compromisso da ALL (América Latina Logística), a concessionária da malha oeste da ferrovia no Estado, é fazer as manutenções necessárias para que o trem de passageiro cruze efetivamente a planície mais alagada do mundo.

Os 240 quilômetros que ainda restam entre Miranda e Corumbá custam mais caro do que o trajeto realizado até agora precisam de investimentos ainda maiores devido às características úmidas e alagadiças da região.

“O Trem do Pantanal é um trem para quem nunca quer chegar e nunca quer que a beleza acabe”, finaliza.

Alessandra Carvalho
Presidente Lula se aproxima de multidão e ergue criança na cidade de Aquidauana

No palco, Lula esteve acompanhado pelo governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), do prefeito Nelson Trad Filho (PMDB), da ex-BBB, Priscila Pires, ministros, senadores e deputados.

Advertisements

No Responses to “180.000 personas desalojadas en Brasil por las lluvias”

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: